Vulcão Poás, Costa Rica

Vulcão Poás postal

A 2.708 metros de altitude levanta-se o Vulcão Poás !

O objetivo era apreciar as suas duas crateras, a principal de 1.5 km de diâmetro que emite grande quantidade de gases e vapor de água das diferentes fumarolas que estão localizadas no seu cone interior e a Lagoa Botos, de água fria e de origem puramente pluvial, que desagua em direção o Caribe pelo Rio Ángel, afluente do Rio Sarapiquí.

Mas nem sempre as coisas correm bem! E aqui, no Vulcão Poás, foi uma dessas vezes!

Após uma apresentação “que prometia” onde somos avisados da hipótese de termos que ser evacuados no caso dos gases que emanam do Vulcão Poás e que estão a ser monitorizados em tempo real, atingirem níveis nocivos e da localização dos abrigos de segurança para o caso de súbita atividade vulcânica, munidos de capacetes de uso obrigatório, fizemos-mos ao caminho, cheios de vontade de ver ao vivo um vulcão ativo!

A caminhada levou-nos ao miradouro e…

uma nuvem teimosa decidiu não deixar ver rigorosamente nada…

Foram mais de 20 minutos (tempo máximo de permanência no miradouro) a olhar para um nevoeiro imenso sem vislumbre de qualquer cratera.

VULCÃO POÁS

Aproveitamos apenas para observar as várias marcas deixadas por antigas erupções e os vários refúgios no local.

Ao regressarmos, resignados com as contingências imprevisíveis da meteorologia, encontramos uma placa que nós fez ver este “fiasco” numa outra perspetiva:

“Não viu a cratera ? Se não a viu foi porque por aqui predominam os ventos alísios provenientes do Caribe, que arrastam grandes quantidades de nuvens e de humidade provocando que neste lugar chova e esteja nublado a maior parte do ano. Por isso desfruta-o porque muito poucas vezes você poderá caminhar entre as nuvens”

Vulcão Poás não viu

Este vulcão fica no Parque Nacional Volcán Poás, a cerca de 40 km do aeroporto da capital San José.

Nós tínhamos alugado um carro para esta road trip que fizemos pelo país e assim foi este o meio de transporte que utilizamos para esta visita: A via principal de acesso é a 712: San José – Alajuela, San Isidro – Fraijanes – Vulcão Poás.

ATENÇÃO!

É obrigatório fazer a reserva online – LINK

Vulcão Poás bilhete
bilhete de entrada

Há também a hipótese de fazer tours desde San José:

Ficou apenas este postal como recordação!

Vulcão Poás postal

Todos os textos são da autoria de Olga Samões e todas as fotografias deste blogue são da autoria de José Carlos Lacerda, exceto onde devidamente identificado. Proibida a reprodução de quaisquer textos e/ou imagens sem autorização prévia dos autores

Este artigo poderá conter links de afiliados. O que são ?  

Ao fazerem reservas pelos links do nosso blogue NÃO vão pagar MAIS por isso e nós ganhamos uma pequena comissão dada pela entidade pela publicidade que lhe fazemos.


Leave a Reply