Do outro lado do Mundo – GREAT BARRIER REEF, Cairns, Australia

A principal atração de Cairns é a Grande Barreira de Coral, um dos lugares mais fascinantes do mundo, uma imensa estrutura viva composta por diversos recifes, pequenas ilha e uma biodiversidade incrível, uma das 7 maravilhas naturais do mundo !!! Já vamos na terceira ✔️✔️✔️

Chegamos de avião, num voo interno de Uluru que fez escala em Sydney. Foi esta a opção mais económica que encontramos

Fazemos sempre a pesquisa dos voos no Skyscanner pois assim ficamos com uma visão global dos preços praticados pelas diversas companhias aéreas e dos horários disponíveis. Tem sido um motor de busca essencial! É só escolher a opção que mais nos convém e somos redirecionados para as várias hipóteses de reserva… DICA: ESCOLHA SEMPRE A PRÓPRIA COMPANHIA AÉREA… por vezes não é a opção mais barata mas é, de certeza, a mais segura.

Ficamos alojados num modesto mas muito agradável hotel, situado alguma ruas acima da marginal de Cairns mas que nos permitiu percorrer a pé toda a cidade – Coral Tree Hotel. Apesar do ter um pequeno almoço simples ficamos agradados com a relação qualidade/preço – https://www.booking.com/hotel/au/coral-tree-inn

Temos no entanto sugestões para outros hotéis, dependendo daquilo que se procura:

Com uma excelente localização recomendamos o Hotel Mantra https://www.booking.com/hotel/au/mantra-trilogy

Também com uma ótima localização mas com instalações mais “luxuosas” e uma piscina excelente – https://www.booking.com/hotel/au/double-tree-cairns

Há também o “standard” Ibis, perto do hotel em que ficamos – https://www.booking.com/hotel/au/ibis-styles-cairns

Para mais opções:

Booking.com

Cairns em si é uma cidade pacata, com pouco a oferecer para além da sua marginal com o seu agradável circuito pedonal e uma lagoa artificial (Cairns Lagoon Complex) construída dada a ausência de praias nesta localidade. É no entanto uma excelente “base” para descobrir toda a sua envolvente, que é maravilhosa!

E, sem tempo a perder, a bordo do Seastar, zarpámos manhã cedo a alta velocidade até Michaelmas Cay, ilha inabitada, santuário de diversas aves marinhas onde fizemos a primeira tour de snorkel… raias, tartarugas, “Nemos” por todo o lado e centenas de espécies diferentes que apenas uma palavra descreve: “Uau!”!!! qual Caraíbas, qual Maldivas …

… aqui é o verdadeiro mar de coral !!!

Após um cruzeiro até à esplêndida Hastings Reef mais uma tour de snorkel levou-nos a águas mais profundas para apreciar tudo o que os recifes podem oferecer e onde mais uma vez nos pudemos maravilhar pela beleza sem igual deste fundo do mar !!! Sentimo-nos numa emissão ao vivo do national geographic. Sim, é uma maravilha da natureza com toda a justiça: ficamos encantados e só vimos uma ínfima parte dos seus mais de 2.300 km de extensão…

Fizemos esta tour, que inclui a barreiro interior e exterior, com um barco rápido e um grupo pequeno e almoço a bordo incluído que recomendamos a 100%CruzeiroGreatBarrier.

Mas há outras opções:

Todos os textos são da autoria de Olga Samões e todas as fotografias deste blogue são da autoria de José Carlos Lacerda, exceto onde devidamente identificado. Proibida a reprodução de quaisquer textos e/ou imagens sem autorização prévia dos autores

Este artigo poderá conter links de afiliados. O que são ?  

Ao fazerem reservas pelos links do nosso blogue NÃO vão pagar MAIS por isso e nós ganhamos uma pequena comissão dada pela entidade pela publicidade que lhe fazemos.


One comment

Leave a Reply